A ABAlf NA HISTÓRIA DA ALFABETIZAÇÃO NO BRASIL: UM DESAFIO PARA O SÉCULO XXI

Maria do Rosário Longo Mortatti

Resumo


Com o objetivo de contribuir para o registro da memória da ABAlf – Associação Brasileira de Alfabetização e para a escrita de sua história, apresentam-se informações e reflexões sobre a associação, relacionando-as com o contexto em que se tornou possível e necessária sua criação e consolidação, como processos que se cruzam com a história de formação acadêmica e atuação profissional dos professores/pesquisadores que assumiram esse desafio do século XXI e com um importante momento da história da alfabetização no Brasil. Para isso, retomaram-se a memória dos acontecimentos e documentos (impressos e em mídias eletrônicas), produzidos desde o início da história da ABAlf, em 2009, até julho de 2014, quando se encerrou o mandato da primeira diretoria dessa Associação.

Palavras-chave: Associação Brasileira de Alfabetização. Memória e história. História da alfabetização. História da educação. Brasil.

 

Abstract

In order to contribute to the record of the memory of ABAlf – Associação Brasileira de Alfabetização (Brazilian Association of Literacy) and for writing its history, information and reflections on the Association are presented, relating them to the context in which became possible and necessary its creation and consolidation, as processes that intersect with the history of academic education and professional activities of the teachers/researchers who have assumed this challenge of the 21st century as well as with an important moment of the history of literacy in Brazil. For this, memories of events and many documents were recovered, especially those elaborated since the early history of the Association, in 2009, until July 2014, when the mandate of its first administrative team has ended.

Keywords: Brazilian Association of Literacy. Memory and history. History of literacy. History of education. Brazil.


Palavras-chave


Associação Brasileira de Alfabetização. Memória e história. História da alfabetização. História da educação. Brasil.

Texto completo:

PDF

Referências


Referências

ABALF – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ALFABETIZAÇÃO. Disponível em: http://abalf.org.br. Acesso em: 10 jun. 2015.

ABALF – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ALFABETIZAÇÃO. Relatório de gestão 2012-2014. 2014. Disponível em: http://abalf.org.br/wp-content/uploads/2015/02/2012_2014_Relatorio_de_gestao_ABAlf.pdf Acesso em: 10 jun. 2015.

CEALE – Centro de Alfabetização, Leitura e Escrita. Trajetória inspiradora, 2015. Disponível em: http://www.ceale.fae.ufmg.br/pages/view/trajetoria-inspiradora.html. Acesso em: 10 jun. 2015.

CALVINO, Ítalo. Mundo escrito e mundo não escrito – artigos, conferências e entrevistas. Tradução de Maurício S. Dias. São Paulo: Companhia das Letras, 2015.

MELO NETO, João Cabral de. Tecendo a manhã. In: ______. Antologia poética. 3. ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 1975, p. 17-18.

MAGNANI, Maria do Rosário Mortatti. Os sentidos da alfabetização: a questão dos métodos e a constituição de um objeto de estudo (São Paulo – 1876/1994). Tese (Livre-docência em Metodologia da Alfabetização). Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Estadual Paulista, Presidente Prudente, 1997.

MORTATTI, Maria do Rosário Longo. Os sentidos da alfabetização: São Paulo 1876/1994. São Paulo: Editora UNESP; Brasília-DF: MEC/Inep/Comped, 2000.

______. Educação e letramento. São Paulo: Ed. UNESP, 2004.

______. Letrar é preciso, alfabetizar não basta... mais?. In: SCHOLZE, Lia; RÖSING, Tânia M. K. (orgs.). Teorias e práticas do letramento. Brasília/DF: MEC/INESP, 2007.

______ . Alfabetização no Brasil: conjecturas sobre as relações entre políticas públicas e seus sujeitos privados. Revista Brasileira de Educação, v. 15, p. 329-341, 2010a.

______. I SIHELE - Relatório científico encaminhado à FAPESP. Marília, 2010b. (digitado)

______. Um balanço crítico da 'Década da Alfabetização' no Brasil. Cadernos CEDES. v. 33, p. 15-34, 2013.

______. Produção acadêmica brasileira sobre alfabetização: avaliação da qualidade e impacto científico e social. In: MORTATTI, M. R. L.; FRADE, I. C.A.S. (orgs.). Alfabetização e seus sentidos: o que sabemos, fazemos e queremos?. São Paulo: Editora UNESP; Marília: Oficina Universitária, 2014, p. 131-158.

______. (Org.). Alfabetização no Brasil: uma história de sua história. São Paulo: Cultura Acadêmica; Marília: Oficina Universitária, 2011.

MORTATTI, M. R. L.; OLIVEIRA, Fernando Rodrigues de. Magda Soares na história da Alfabetização no Brasil.. In: VI Congresso Brasileiro de História da Educação, 2011, Vitória: UFES, 2011. p. 1-12.

MORTATTI, Maria do Rosário Longo; OLIVEIRA, Fernando Rodrigues de; PASQUIM, Franciele Ruiz. 50 anos de produção acadêmica brasileira sobre alfabetização: avanços, contradições e desafios. Interfaces da Educação, v. 5, p. 6-31, 2014.

SOARES, Magda. Alfabetização o Brasil: o estado do conhecimento. Brasília: INEP, REDUC, 1989.

______. Letramento: um tema em três gêneros. Belo Horizonte: Autêntica, 1998.

______. As muitas facetas da alfabetização. Cadernos de Pesquisa. n. 52, p. 19-24, 1985.

SOARES, Magda; MACIEL, Francisca Izabel Pereira. Alfabetização. Brasília: MEC/Inep/Comped, 2000.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.